TILAG: um terminal problemático


O conteúdo abaixo foi originalmente produzido pela versão on line do jornal Hora de Santa Catarina em 24 de julho de 2011 (às 12h10). Você pode ler a matéria no site do Hora aqui.

Apesar de ter alguns meses, ela continua atual: Chapecó ainda toma conta das bicicletas no TILAG – sim, elas existem! – à noite. A situação desse bicicletário foi analisada numa visita técnica em que o Bicicleta na Rua esteve presente, juntamente com o Movimento Ciclovia na Lagoa Já e a Companhia Operadora de Terminais de Integração (COTISA), a pedido da própria Secretaria Municipal de Transportes, Mobilidade e Terminais, em 03 de outubro.

Bicicletário de terminal de ônibus vira dormitório em Florianópolis

Tem de tudo no bicicletário do Terminal de Integração da Lagoa. Difícil mesmo é encontrar magrelas.

Quem utiliza ônibus todos os dias na região da Lagoa da Conceição mal percebe uma construção logo ao lado do Terminal de Integração (Tilag). Não é para menos. Erguido há quase dez anos, o bicicletário da área está praticamente abandonado.

A situação evidencia o descaso com o espaço destinado às bicicletas nos terminais de ônibus da Capital. Os poucos ciclistas que ainda tentam utilizar o bicicletário precisam dividi-lo com moradores de rua, viajantes e funcionários da Companhia Melhoramentos da Capital (Comcap).

Um dos homens que ocupa o lugar é Mauro de Paula Nery, o popular “Chapecó”. Ele afirma estar morando em um dos contêineres, colocados ali para guardar os materiais de limpeza da Comcap, há cerca de cinco meses.

– Quem me autorizou a ficar por aqui foi o próprio senhor Paulo (Germano Alves, superintendente da Lagoa) – conta, apontando para as suas roupas, que ficam dentro de um dos recipientes da companhia.

Se não tem outro espaço, vai esse mesmo

O presidente da Comcap, Antônio Marius Bagnati, admite que o espaço não é adequado para receber os funcionários. A utilização da área deu-se após negociação com a prefeitura. Anteriormente, a base dos funcionários era na própria intendência. Quando ela foi deslocada para a Avenida das Rendeiras, ficou decidido que eles ficariam com os vestiários do bicicletário.

– O problema é encontrar outro local para abrigar os funcionários. Sabemos que ali não é o ideal – conta Antônio, que diz não ter prazo para o deslocamento dos trabalhadores.

Mobilidade urbana

Para o vice-prefeito da Capital, João Batista Nunes, o principal problema é a falta de vias adequadas para andar de bicicleta, o que inviabiliza o uso dos bicicletários em maior escala.

Haveria estudos sobre o uso de bicicletas na cidade e a construção de novas ciclovias. João Batista diz que os recursos, que somam R$ 60 milhões, deverão vir do Ministério das Cidades nos próximos meses.

O vice afirma ainda que irá enviar uma equipe técnica para analisar a situação do bicicletário pessoalmente.

Quanto ao morador de rua, ele diz que enviará um funcionário da Secretaria de Assistência Social para retirá-lo dali, mas não informou para onde ele será encaminhado.

– Ali não é lugar – reafirmou.

Usuários do transporte coletivo se viram como podem para deixar suas bicicletas. Foto: Luís Prates.

Abrigo de viajantes

O casal Marcos Volz, 22, e Mariela Villar, 21, saiu de Missiones, na Argentina, no dia 10 de julho. Eles pretendem viajar durante um ano de motocicleta, tendo como destino final a Austrália. Na parada em Florianópolis, decidiram utilizar o bicicletário do Tilag como albergue, com a “autorização do Chapecó”. O espaço serve de abrigo quando não estão passeando.

Eles chegaram na última terça-feira (19) e devem ficar até segunda.

Leonardo Gorges

Sobre bicicletanarua
Ciclista urbano paulistano residente em Florianópolis.

One Response to TILAG: um terminal problemático

  1. Pingback: Bicicletário do TILAG será reformado e ampliado | Bicicleta na Rua

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: