Bicicletada conferirá obras de ciclovia na Lagoa da Conceição

Excepcionalmente neste mês de julho, a Bicicletada Floripa da Lagoa da Conceição ocorrerá no terceiro sábado do mês. E o clima é de festa e – por que não? – de certo ato cívico. Afinal de contas, no começo do mês foram autorizadas as obras da primeira parte da revitalização da R. Ver. Osni Ortiga, no Porto da Lagoa.

Para acompanhar o andamento das obras, que já dispõe de metade dos recursos para a sua finalização, neste sábado teremos a edição de junho da Massa Crítica da Lagoa. A ideia é fazer uma verificação periódica dos trabalhos de aterro e enrocamento, vislumbrando de perto a realização de tão almejado sonho.

:: Confirme sua presença no Facebook

A luta pela ciclovia da Lagoa da Conceição completou 16 anos em 2013. O trecho em obras, entretanto, vai terminar a 630m da Av. das Rendeiras.

Florianopolis 2013-07-20 Lagoa da ConceicaoArte: Gabriel Borghi Sincro

Após a Bicicletada, teremos o PedaLua, evento gratuito da empresa de cicloturismo Caminhos do Sertão, com destino à Barra da Lagoa. A saída será do ponto de encontro – e término – da Bicicletada, a Praça Bento Silvério, no centrinho da Lagoa da Conceição.

:: Confirme sua presença no PedaLua no Facebook

Saiba mais:

Verificação pessoal na Lagoa

Ciclistas pretendem avaliar efeito de ciclovia na Lagoa da Conceição

Começarão as obras da ciclovia na Lagoa da Conceição!

Caminhos do Sertão Cicloturismo inaugura sua nova sede

A operadora de cicloturismo Caminhos do Sertão vai inaugurar neste sábado, 24 de novembro, sua sede no Campeche, em Florianópolis. A comemoração, aberta a todos os amigos e apaixonados por bicicleta, ocorrerá logo após o PedaLua de novembro, uma pedalada leve pelo sul da Ilha de Santa Catarina, com direito a paradas para se aproveitar a paisagem e as belezas naturais da cidade.

A mais antiga empresa do ramo de Santa Catarina atua em diversos roteiros, com destaque para a Rota das Baleias, entre Florianópolis e Laguna, para o Vale dos Vinhedos, na Serra Gaúcha, e para a Acolhida da Colônia, no qual ajuda a implementar o roteiro cicloturístico junto ao projeto de geração de renda no campo.

A empresa também ocupa a cadeira destinada à empresa de cicloturismo na Comissão Municipal de Mobilidade Urbana por Bicicleta de Florianópolis (Pró-Bici), devido ao seu venturoso trabalho.

O PedaLua, passeio ciclístico gratuito realizado mensalmente pela empresa, sairá às 15h da sede da empresa, na Rua Vento Sul n°197, que fica na altura do mercado HiperBom e do posto Ipiranga da Avenida Pequeno Príncipe, no Campeche. A festa de inauguração ocorrerá após a chegada, às 20h. Quem for fica, tem que levar a sua própria caneca ou recipiente. A música ficará por conta do DJ Ébano Piacentini, do Projeto Musicália Brasuca, e o chope artesanal será da cervejaria Avatar.

A nova sede foi feita com técnicas sustentáveis de construção, incluindo a utilização de milhares de garrafas PET  reaproveitadas.

Confirme sua presença no Facebook!

Ciclistas cobram (mais uma vez) ciclovia na Lagoa da Conceição

A quarta edição de 2012 da Bicicletada da Lagoa da Conceição, que acontecerá neste sábado, às 15h, na Praça Bento Silvério, traz à tona, mais uma vez, a reivindicação da comunidade pela revitalização da R. Ver. Osni Ortiga! A pedalada será em ritmo leve, com intervenções urbanas que prometem alegrar a vida de quem pedala cotidianamente pela região. Pessoas de qualquer idade podem participar.

 Confirme sua presença  no Facebook

Crononologia

Prometida desde 2009, quando a Associação dos Moradores do Porto da Lagoa, juntamente com a Associação dos Ciclousuários da Grande Florianópolis e a Bicicletada Floripa, criaram o Movimento Ciclovia na Lagoa Já, a implantação de calçadas, iluminação, arborização, locais de descanso e ciclovia na principal rua do Porto da Lagoa foi apoiada por todos os vereadores em audiência pública em meados do mesmo ano. Meses depois, o projeto executivo encontrava-se pronto.

Entretanto, apenas em setembro de 2011, foi entregue, com atraso, o Relatório Ambiental Prévio, possibilitando concluir o licenciamento ambiental. Isso permitiu a aprovação, em dezembro, de verba para a revitalização da Osni Ortiga pelo Ministério das Cidades, do governo federal.

Em março deste ano, finalmente foi assinada pelo prefeito municipal a autorização para dar prosseguimento às obras, tendo sido lançada, em seguida, a licitação para a primeira fase, ao custo de quase R$ 1 milhão. Nessa fase ainda não está prevista a construção da ciclovia. A revitalização toda deve custar em torno de R$ 3,5 milhões, menos do que todas as grandes obras feitas recentemente na cidade, que se mostraram fracassos retumbantes, como os Elevado do Trevo da Seta e do Rita Maria.

Nesta sexta-feira, o secretário municipal de Obras, Luis Américo Medeiros, afirmou que em 15 dias começam as obras, que devem durar 120 dias.

Enquanto isso, três anos depois, as pessoas ainda encontram-se inseguras para pedalar ou caminhar à beira de um dos principais cartões postais catarinenses.

Após três meses de assinatura das obras, Bicicletada cobra ciclovia na Lagoa da Conceição

Este sábado os moradores da Lagoa da Conceição farão mais um protesto cobrando a ciclovia na R. Ver. Osni Ortiga, no Porto da Lagoa. Desde 2009 os moradores da região realizam Bicicletada na região.

A pedalada deste sábado é aberta a pessoas de todas as idades e sairá da Praça Bento Silvério, no centrinho da Lagoa, às 15h30.

Confirme sua presença no Facebook

Arte: Mauricio Costa

Veja abaixo o release:

3ª BICICLETADA DA LAGOA (Junho)

Exigindo a chegada da CICLOVIA DA OSNI EM 2012

O prefeito da cidade assinou a obra em MARÇO.

Após as duas primeiras edições da BICICLETADA DA LAGOA, os jornais de bairro estamparam matérias e artigos sobre o tema, dizendo, inclusive, que este ou aquele político conseguiram as verbas etc.

A RBS, apesar dos contatos com colunistas e repórteres, ainda não fez uma cobertura jornalística com seus veículos sobre o assunto. Onde está o apoio do Projeto da RBS “Floripa te Quero Bem”?

As Verbas Federal, Estadual e Municipal e a Licença Ambiental foram realmente LIBERADAS.

Entretanto, com as eleições de outubro chegando, o prazo para começarem as obras antes das eleições está terminando. Queremos ver a ciclovia sair do papel!!!

Você não se cansa de ver a LAGOA DA CONCEIÇÃO suja, o bairro ameaçado pela ESPECULAÇÃO imobiliária, o TRÂNSITO crescente e um URBANISMO sem planejamento?

Você, que pedala, corre, caminha na OSNI ORTIGA, não acha absolutamente inacreditável como se demora 10 anos pra fazer uma obra simples e necessária como uma CICLOVIA NA LAGOA?

E o que VOCÊ FAZ por sua Lagoa da Conceição? Vai se fechar nas GRADES do condomínio e ficar reclamando o resto da vida? Que bairro vamos deixar para os nossos filhos?

Vamos para a AÇÃO, a Lagoa é de quem mora aqui e temos que colaborar pelo seu FUTURO.

Democracia não acaba no voto, se constrói nas ruas, cobrando as autoridades com todas a ferramentas que temos em tempos de internet, redes sociais etc.

*******CICLOVIA DA OSNI ORTIGA EM 2012******

Promovido por:
Bicicletada Floripa
https://www.facebook.com/groups/bicicletada.floripa/

Floripa Quer Mais
https://www.facebook.com/FloripaQuerMais

Movimento Ciclovia na Lagoa Já
http://movimentociclovianalagoaja.blogspot.com/

Ampola – Associação dos Moradores do Porto da Lagoa
http://ampolanarede.blogspot.com/

Caminhos do Sertão
http://www.caminhosdosertao.com.br/

Projeto Musicália Brasuca
https://www.facebook.com/brasucalia

ViaCicloAssociação dos Ciclousuários da Grande Florianópolis
http://www.viaciclo.org.br

*************************************

Vamos PEDALAR calmamente celebrando (e cobrando):

– A LIBERDADE de um passeio de bicicleta…
– A ALEGRIA de ver as famílias passeando com segurança nesta praça pública em forma de ciclovia!
– A BELEZA de uma vida comunitária sem muros, ao ar livre.
– A NATUREZA, a SAÚDE, O AMOR a VIDA e o futuro SUSTENTÁVEL de nossa bela LAGOA DA CONCEIÇÃO 🙂

Porque uma CICLOVIA BEM FEITA é uma PRAÇA PÚBLICA em forma de CORREDOR.

Pedala Parkinson 2012

A reportagem abaixo foi originalmente publicada na edição on line do periódico Diário Catarinense em 05 de abril de 2012 (às 15h06). Você pode vê-la no site do DC aqui.

Manifestação na Capital

Pedalada vai marcar Dia Internacional da Doença de Parkinson em Florianópolis

A proposta é estimular o portador da doença de Parkinson a sair na rua e continuar inserido na sociedade. Foto: Guto Kuerten / Agencia RBS.

Evento no dia 11 de abril terá bicicletas especiais para pessoas com maior dificuldade

Com o objetivo de congregar portadores da doença, familiares, cuidadores, profissionais da saúde e amantes do ciclismo, será realizado na próxima quarta-feira, 11 de abril, o Segundo Pedala Parkinson. A atividade que marca o Dia Internacional da Doença de Parkinson sairá da frente da Reitoria da UFSC às 15h, com concentração a partir das 14h30min.

De acordo com os organizadores, o evento contará com bicicletas especiais para pessoas com maior dificuldade. Da UFSC os participantes seguirão até o início da Avenida Beira-Mar Norte e o Koxixos, retornando ao ponto de partida, em um trajeto de aproximadamente 10 quilômetros.

— A proposta é estimular o portador da doença de Parkinson a sair na rua e perceber que ele pode continuar inserido na sociedade — explica a professora do Departamento de Enfermagem da UFSC Ângela Maria Alvarez, líder do Grupo de Estudos sobre Cuidado de Saúde de Pessoas Idosas.

O Segundo Pedala Parkinson foi organizado pela Associação Parkinson Santa Catarina, em parceria com a UFSC e Prefeitura de Florianópolis, entre outras entidades. O mal de Parkinson é uma doença degenerativa do sistema nervoso central em que ocorre perda de um neurotransmissor chamado dopamina. A falta de dopamina resulta em uma série de sintomas motores, como tremor, rigidez muscular e lentidão de movimentos.

Para mais informações, o telefone da Associação Parkinson Santa Catarina – APASC é (48) 3721-6651 e (48) 3721-9445.

Veja fotos do primeiro Pedala Parkinson aqui e aqui.

Notícias relacionadas:

Charge – Passeio a dois!?

Um pedal pró-saúde!

Um pedal pró-saúde!

Mas como assim? Pedalar por si só já não é algo saudável? Sim, sim! Mas a pedalada programada para amanhã terá mais um motivo para ser chamada de “saudável”! Ela será promovida pela Associação Parkinson Santa Catarina (APASC) para incentivar os portadores dessa síndrome a realizarem atividades físicas, melhorando, assim, a qualidade de vida destes!

Confiram o release recebido abaixo e veja outro motivo pelo qual também vale a pena estar lá:

Nesta semana, de 4 a 6 de Maio, Florianópolis sediará o Congresso das Associações de Parkinson do Brasil, promovido pela Apasc. No primeiro dia, faremos uma pedalada para chamar a atenção da sociedade para a síndrome de Parkinson, e principalmente incentivar os portadores a praticarem exercícios físicos.

Pedalar é uma excelente atividade, permitindo ao Pakinsoniano manter sua mobilidade e qualidade de vida. O grande exemplo é o curitibano Roberto Coelho, que ao descobrir que tinha Parkinson começou a pedalar. Ano passado, ao completar 30 anos com a síndrome, comemorou o “aniversário” com uma viagem de bicicleta, de Curitiba a Porto Alegre! Ele estará presente no passeio.

Prestigie a pedalada e ajude a divulgar a mensagem de qualidade de vida! Haverá diversas bicicletas Tandem (de dois lugares) para levar as pessoas com mobilidade reduzida. Os que tiverem experiência em conduzir esse tipo de bicicleta serão muito bem vindos!  O evento é nesta quarta (4/5 – amanhã), a partir das 15h, em frente ao CCS/UFSC (Florianópolis)

%d blogueiros gostam disto: