(Bicicultura) Técnico vai a Sorocaba para tentar resolver problema em ciclovia

Sobre reportagem veiculada em jornal local, que pode ser conferida aqui, técnicos da URBES – Trânsito e Transportes, empresa ligada à prefeitura de Sorocaba, afirmaram, na sexta-feira, dia 03 de dezembro, que o problema caminha para uma solução.

Quatro ciclistas de Brasília teriam caído após um deles escorregar na ciclovia da Av. Rudolf Dafferner, que havia sido pintada cerca de uma semana antes do Bicicultura. Com a chuva que havia caído no dia, a ciclovia estaria escorregadia, parecendo “um sabão”, segundo os relatos.

A prefeitura de Sorocaba logo se mobilizou e trouxe um técnico da empresa que fabrica a tinta para solucionar esse problema. Uma película antiderrapante teria sido aplicada na ciclovia, enquanto o técnico avaliaria se houve problema com o lote da tinta e tentaria encontrar alguma solução.

Pintura recém-feita na Av. Antonio Bardela.

Problemas assim já foram relatados em outras cidades. Em Florianópolis, a ciclovia da Av. Hercílio Luz, quando recém-pintada, foi considera muito lisa e escorregadia. A mesma coisa pode ser dita da ciclovia da Marginal Pinheiros, em São Paulo. Isso parece, portanto, ser um problema ainda comum em várias cidades do país e vive-se em um bom período para que novas técnicas sejam desenvolvidas para as tintas utilizadas na pintura de ciclovias e ciclofaixas. Empresas de visão podem vislumbrar desde já essa oportunidade.

%d blogueiros gostam disto: