Aplicativo “Itinere” precisa de ajuda para sair do papel

Um grupo de ciclistas cariocas está com uma idéia genial: criar um aplicativo que, além de te indicar a rota pelas quais passam os ciclistas, permite que o usuário demarque pontos de interesse, como bicicletaria ou paraciclos, e pode servir também para ajudar a alertar os governantes dos problemas que os ciclistas enfrentam no dia a dia. Anotações de buracos, bueiros, carros estacionados, pontos de conflitos com o transporte coletivo, locais onde fazem falta rebaixamento de meio-fio ou a colocação de frades ou lombofaixas, somadas às rotas mais comuns dos ciclousuários, podem ajudar o poder público na execução de melhorias em curto prazo ou no planejamento de rotas seguras para atender à demanda já existente.

Entretanto, faltando ainda mais 16 dias para acabar o prazo para o financiamento coletivo, o Itinere (pronuncia-se “Itinére”) arrecadou apenas 15% dos R$13.000,00 que precisa para sair do papel e entrar de vez nos tablets e smartphones. Se você quiser saber um pouco mais, veja o vídeo abaixo e ajude aqui a financiar aplicativo.

O aplicativo faz parte do projeto Bike Lovers, que é conduzido pela empresa mobCONTENT, focada em narrativas transmídias e sediada na incubadora Rio Criativo do governo fluminense.

Como funciona?

Quando sair de bicicleta, você aciona o aplicativo, que vai rastrear sua rota. Você divulga para seus amigos e eles fazem o mesmo. Ao longo do tempo, teremos um monte de pontos de cruzamento de rotas. Os locais com maior circulação de ciclistas ficarão em destaque no aplicativo e no site.

Você também poderá marcar pontos de interesse, como um problema na via, áreas com risco de assalto ou indicar uma oficina e estabelecimentos que dão descontos para quem chega de bike. Você vai poder também ver os trajetos de seus amigos do facebook.

%d blogueiros gostam disto: