Catarinenses às Ruas: Ocupação do SETUF

O Movimento Passe Livre e a Frente de Luta pelo Transporte Público convocam hoje para o IV Ato pela Redução Imediata da Tarifa em Florianópolis, a partir das 16h no Terminal de Integração do Centro (TICEN), que desde já encontra-se ocupado pelos manifestantes.

:: Confirme sua presença no Facebook

Leia abaixo a nota oficial da Frente.

MPL 2013-07-04Leia mais sobre o Brasil nas Ruas

Catarinenses às ruas: Nota do Movimento Passe Livre Florianópolis

  1. O Movimento Passe Livre, com apoio da Frente de Luta pelo Transporte, convoca para a próxima terça-feira, 25 de junho, um ato em caráter de ultimato à prefeitura do Sr. César Souza Júnior (PSD) pela Redução Imediata das Tarifas do Transporte Coletivo, seguindo o exemplo de 50 cidades do país, entre elas 14 capitais.

  2. Reivindicamos também o estabelecimento de uma agenda de curto e médio prazo visando o barateamento sistemático das tarifas, rumo a Tarifa Zero no transporte público, instituindo um grupo de trabalho de caráter deliberativo, nos moldes do que foi estabelecido no Distrito Federal, envolvendo também os municípios da região metropolitana.

  3. O MPL reafirma que nenhum Edital de Licitação que a prefeitura venha a lançar que mantenha o REGIME DE CONCESSÃO para exploração do transporte por empresas privadas, resolverá o dilema que envolve o acesso amplo à cidade.

  4. Esclarecemos que as manifestações organizadas pelo MPL e pela Frente não comportam qualquer atitude de intolerância, sendo pautadas pelo espírito democrático e de respeito a todas as organizações políticas, sejam elas partidárias ou não.

  5. Reconhecemos a queixa legítima de manifestantes que não se sentem representados pelo sistema político eleitoral, mas não aceitamos qualquer retrocesso nas conquistas democráticas. Foi na Ditadura Militar que os partidos foram proibidos. Partidos e movimentos sociais são parte do processo democrático e só foram possíveis em um regime de abertura, graças à luta contra a Ditadura Militar.

  6. Chamamos a responsabilidade da Prefeitura de Florianópolis em abrir o diálogo e apresentar soluções concretas ao movimento que hoje toma as ruas da cidade.

Florianópolis, 21 de Junho de 2013.

Leia mais sobre o Brasil nas Ruas

Link original

Vídeo da primeira manifestação de Florianópolis

Confira abaixo alguns dos momentos da primeira manifestação por uma nova lógica do transporte público em Florianópolis.

A edição é da nossa parceira ciclista Michelle Franzoni, do Blog da Mimis.

Saiba mais sobre as manifestações em Florianópolis aqui.

Hoje vai ser maior: Catarinenses às ruas

Está marcada para hoje, 20 de maio, o segundo Ato Por um Transporte Público de Qualidade, manifestação que pretende levar milhares de pessoas às ruas de Florianópolis.

Diversos fatores estarão em pauta e ecoarão pelas ruas da região central da capital catarinense. O principal deles: o direito à cidade, principalmente na forma de uma outra lógica de se lidar com o transporte na cidade.

Confirme sua presença no Facebook

Vários coletivos também estarão presentes nessa manifestação. Notadamente, a Marcha das Vagabundas Florianópolis (versão local para a Marcha das Vadias) far-se-á presente, apresentando também. Esse coletivo tem se empenhado ultimamente contrário ao Estatuto do Nascituro, por prever restrições às mulheres sobre as decisões em seu próprio corpo.

Quanto aos ciclistas, participantes da Bicicletada Floripa estarão lá também. Saindo da pista de skate da Trindade a partir das 17h, devem estar na porção dianteira do percurso da manifestação. Além das melhorias no transporte coletivo, empunharão também bandeiras da integração intermodal, à destinação de pistas cicláveis nos espaços públicos e ao estímulo ao pedalar.

A manifestação, sem líderes, é uma chamada do Movimento Passe Livre e da Frente de Luta Pelo Transporte Público. Ao contrário do que diz a grande mídia, não é em si um ato contra a corrupção nem contra os gastos da Copa do Mundo o mote da manifestação de hoje em Florianópolis. Segundo seus participantes, “é óbvio que ninguém é a favor da corrupção”, apenas não é um dos focos da passeata desta quinta-feira.

Pedalada para o TICEN para as 24h de ocupação do espaço público

Via Frente de Luta pelo Transporte Público de Florianópolis – FLTC. Mais atividades da Virada do Latão: O terminal é nosso! aqui.

Bicicletada contra a Tarifa em Florianópolis na grande mídia

A bicicletada contra o aumento da tarifa de ônibus em Florianópolis, realizada no dia 24 de fevereiro, foi divulgada na grande mídia catarinense.

O periódico Notícias do Dia, na versão impressa da Grande Florianópolis, em 25 de fevereiro de 2011 (pág. 5), que pode ler lido em .pdf aqui, afirmou:

Capital. Movimento pela desprivatização e gratuidade do transporte coletivo. Foto: Alexandro Albornoz / ND.

Bicicletada contra o aumento

O INPC é o índice utilizado para aumentar o preço da passagem de ônibus, já aprovada pelo Conselho Municipal de Transportes e que agora depende da sanção do prefeito. Caso fosse considerado, o valor da passagem para quem paga em cartão passaria dos atuais R$ 2,38 para R$ 2,53. Já a comprada com dinheiro, hoje em R$ 2,95, ficaria em RS3,14.

A Frente de Luta pelo Transporte Público realizou uma bicicletada ontem na Capital contra o reajuste da tarifa. A concentração ocorreu na Universidade Federal de Santa Catarina. Conforme a militante Maria Paiva Lins, o movimento luta pela desprivatização e pela gratuidade do transporte coletivo.

A manifestação saiu também no Blog do Trânsito, no site do clickRBS/Diário Catarinense, neste link, republicado abaixo:

Quem foi que disse que mobilidade urbana está relacionada apenas com ônibus e carros? Pois o movimento Passe Livre, da UFSC, promoveu uma bicicletada, nesta quinta-feira, justamente para chamar a atenção para este meio de transporte que não gasta combustível, nem polui o ambiente. O grupo de cerca de 25 pessoas percorreu ruas da Trindade, em Florianópolis.

Saiba mais:

Relato da 1ª Bicicletada Contra a Tarifa – Floripa – matéria no Centro de Mídia Independente.

Veja também:

Bicicletada para discutir as tarifas – divulgação no Diário Catarinense.
Duas Rodas – divulgação na coluna do Ricardinho Machado, no Notícias do Dia.

Nesta quinta, Florianópolis terá bicicletada contra aumento da tarifa de ônibus

A Frente de Luta pelo Transporte Público convida todos a participar da 1ª Bicicletada Contra a Tarifa nesta quinta-feira (24), com saída da Concha Acústica na UFSC. No primeiro ato deste ano, além da bicicletada haverá confecção de camisetas da Frente com stencil e tela para os interessados, então tragam camisas lisas. A concentração começa às 16h e a bicicletada sai às 18h. Em caso de chuva, o evento será adiado.

Venha participar deste ato em prol da mobilidade urbana e contra o aumento previsto nas tarifas de ônibus, que podem chegar a R$3,14. Traga sua bike, patins, patinete, o que quiser!

O quê: Bicicletada Contra a Tarifa
Onde: Concha Acústica da UFSC
Quando: Quinta-feira, dia 24 de fevereiro, a partir das 16h. Saída às 18h.

PS: Não confundir com a Bicicletada Floripa de fevereiro, a ocorrer na sexta-feira, dia 25 de fevereiro, a partir das 18h (saída às 19h), no mesmo local.

(Via Divulgação)

Saiba mais:

http://lataofloripa.libertar.org
http://twitter.com/lataofloripa

%d blogueiros gostam disto: