Atividades da Semana da Bicicleta de Florianópolis

A Semana Municipal da Bicicleta de Florianópolis, instituída pela Lei Complementar nº 78/2001, tem um 2020 discreto, situação provocada pela pandemia de COVID-19, causada pelo coronavírus SARS-CoV-2. Ainda assim, atividades marcarão a presença contínua de ciclistas pelas ruas da cidade, utilizando suas bicicletas seja para ir ao trabalho presencial, seja para cicloentregas ou ainda como um fator de desestre em meio ao isolamento social.

Confira abaixo as atividades previstas para esta semana:

Respeite o Ciclista – 20 de setembro

Ação do Floripa Bike Club no Parque de Coqueiros.

Respeite o ciclista|Mantenha distância 1.5m!

Espero vocês no domingo, às 10 horas no Parque de Coqueiros.

Estaremos lá colando adesivos em veículos (com a devida permissão, claro) com o propósito de conscientizar os motoristas sobre a importância de manter a distância segura dos ciclistas.

A intenção não é apenas entregar um adesivo ou produzir mais lixo, mas efetivamente colar nos carros dos motoristas que aceitarem apoiar a nossa campanha, na intenção de conscientizar sobre as melhores formas de comportamento no trânsito para que abusos não se repitam.

Em uma bicicleta não vai um ciclista, vai uma vida! Nós só queremos garantir o nosso direito de ir e vir com segurança.

Um agradecimento especial @alencarmauricio01 (A. Vicente Empreendimentos) e @pedroaugustocabralll pelo apoio.
Arte @cauebovo

 

Bike Thru – 21 e 22 de setembro

A Escola da Fazenda resolveu aliar o Dia da Árvore com o Dia Mundial Sem Carro e promoveu distribuição de mudas para quem for até a escola de bicicleta. Diversas espécies nativas estavam disponíveis para os interessados. A Escola da Fazenda também encontra-se com as matrículas para 2021 abertas. Mais informações em www.efaz.com.br.

:: Evento no Facebook

“Na Efaz, todos os anos celebramos o Dia Mundial sem Carros através de eventos, atividades e trabalhos que promovem a conscientização acerca do tema Mobilidade. Apesar das dificuldades, neste ano não será diferente. Toda a comunidade escolar está convidada para receber uma muda de planta produzida pela @salaverde.efaz; mas, quem participar, deve vir buscar a muda de bicicleta! Vamos construir uma sociedade mais saudável e sustentável?

Dia Mundial Sem Carro – 22 de setembro

Dia 22 de setembro foi marcado por um passeio pela Ponte Hercílio Luz, que recentemente foi “aberta” para o trânsito automotor individual, desde que os veículos tivessem ao menos duas pessoas. Ciclistas fizeram averiguações in loco sobre a trafegabilidade no vão central e lambe-lambes apareceram nos arredores do cartão postal catarinense, sem interferência direta sobre o patrimônio cultural material tombado.

:: Evento no Facebook

Roda de Conversa – 22 de setembro

Roda de Conversa sobre o “Dia Mundial Sem Carro”, com os seguintes convidados:
– Ana Destri: professora de Ed. Física (PMF). Ativista da mobilidade ativa. Mentora e Coordenadora do Projeto Bicicleta na Escola;
– Elson Pereira: professor de Planejamento Urbano e candidato a Prefeito pelo PSOL;
– Ricardo Freitas: Advogado e Assessor Sindical;
– Professor Pedro Cabral: professor aposentado da Prefeitura Municipal de Florianópolis, doutor em Educação pela USP.

Frente Parlamentar em Defesa do Ciclista – 24 de setembro

Para celebrar a Semana Municipal da Bicicleta, nesta quinta-feira, ocorrerá reunião ampliada conjunta da Frente Parlamentar em Defesa do Ciclista e Frente Parlamentar da Mobilidade Urbana. A sessão poderá ser acompanhada pelo Zoom (link abaixo) ou ainda pelas redes sociais da TV Câmara na TV, Youtube e Facebook.

Com um certo atraso, abre-se o diálogo sobre o uso da bicicleta nas cidades durante e no pós-pandemia. Para debater esse assunto, teremos conosco a jornalista Renata Falzoni, que trabalhou na ESPN e é responsável pelo site “Bike É Legal!”. Como inserir a bicicleta nesse contexto? Quais medidas devem e quais deveriam ter sido tomadas pelas cidades?

Em seguida, o debate partirá para um importante assunto local: a liberação da Ponte Hercílio Luz para a mobilidade individual não sustentável. Enquanto ciclistas e pedestres são obrigados a se aglomerar nos ínfimos espaços das passarelas laterais – quando estão abertas! -, veículos automotores individuais foram autorizados a transitar, desde que com, no mínimo, duas pessoas.

Uma vez que a Ponte Hercílio Luz ainda está em obras e só pôde ser usufruída pela população durante a primeira semana de 2020, qual a visão que a administração pública passa sobre essa liberação? E qual a perspectiva futura? Situações que merecem um maior debate entre a população. Não deveria a Ponte Viva ser retomada?

Link para entrar na reunião Zoom: https://us02web.zoom.us/j/81314627267…

Bicicletada Floripa – 25 de setembro

A Massa Crítica de Florianópolis tem previsão de concentração às 19h no Parque da Luz, na região central de Florianópolis. Saída às 20h em roteiro definido na hora pelos participantes, em roteiro com ritmo tranquilo.

Florianópolis lança Frente Parlamentar em Defesa do Ciclista

Iniciativa da Câmara de Vereadores de Florianópolis, será instalada oficialmente nesta quarta-feira, 31 de janeiro de 2018, a Frente Parlamentar em Defesa do Ciclista. A reunião ocorrerá às 14h, no Plenarinho da Câmara, situada à Rua Anita Garibaldi nº 35, no Centro.

Criada pelo Ato 0035/2017, a Frente do Ciclista deverá, ao longo deste ano, discutir temas de interesse dos usuários da bicicleta. Estão previstas reuniões sobre o Floribike (sistema de compartilhamento de bicicletas) e sobre a Ponte Hercílio Luz em fevereiro, uso da bicicleta e avanços na Lei Complementar nº 78 em março, acessibilidade e segurança viária em maio e segurança do ciclista em setembro, por exemplo.

A Frente Parlamentar em Defesa do Ciclista será presidida pelo vereador proponente da iniciativa, Maikon Costa (PSDB). Já subscreveram como membros os vereadores Pedro de Assis Silvestre, o Pedrão (PP), Lino Fernando Bragança Peres (PT), Vanderlei Farias, o Lela (PDT), Marcos José de Abreu, o Marquito (PSOL), Afrânio Tadeu Boppré (PSOL) e Gabriel Meurer, o Gabrielzinho (PSB).

Dentre os seus objetivos, estão:
– estimular e implantar mais ciclovias e ciclofaixas por toda a cidade;
– reduzir o índice de violência no trânsito decorrente do comportamento de motoristas transgressores contra os ciclistas;
– estimular no âmbito das instituições públicas e privadas a implantação de bicicletários e vestiários;
– estimular o Poder Executivo Municipal a criar em seu organograma administrativo um órgão específico para tratar exclusivamente das
demandas dos ciclistas e da necessidade da circulação de bicicletas;
– estimular a realização de campanha educativo-preventivas de forma a garantir a segurança dos ciclistas no trânsito;
– estimular a realização de estudos e pesquisas destinados à elaboração de programas específicos visando a redução de acidentes envolvendo ciclistas;
– promover a criação de uma política cicloviária municipal.

A Frente do Ciclista será tratada de forma conjunta com a Frente Parlamentar da Mobilidade Urbana, subscrita pelos mesmos vereadores supracitados. Toda reunião da Frente em Defesa do Ciclista será também uma reunião da Frente Parlamentar da Mobilidade Urbana.

Nesta primeira reunião, serão entregues as Moções de Aplauso pela “Operação Lei Seca” às ações da Guarda Municipal de Florianópolis, Polícia Militar de Santa Catarina, Comando de Policiamento Militar Rodoviário de Santa Catarina, Polícia Rodoviária Federal, Departamento Estadual de Trânsito (DETRAN) e Rede Vida no Trânsito Florianópolis. Além disso, haverá momentos para explanação das entidades da sociedade civil e espaço para encaminhamento de demandas e pedidos.

Veja abaixo o release:

Um novo passo para #RecuperarFloripa

Amanhã, às 14h, acontece a instalação de duas Frentes Parlamentares na Câmara de Vereadores: a de Mobilidade Urbana; e em Defesa do Ciclista.

O propósito de ambas é acompanhar as políticas públicas de transporte e mobilidade urbana do município, além de monitorar a execução de planos e projetos, bem como sugerir novas alternativas e modais de transporte.

A participação popular e de entidades é extremamente fundamental para que possamos, num processo de construção conjunta, identificar demandas e tomar as primeiras providências.

A reunião ampliada será no Plenarinho da Câmara.

%d blogueiros gostam disto: