(Vídeo) Discurso de Cesar Souza Júnior no lançamento do Floribike

Confira abaixo o discurso do prefeito de Florianópolis, Cesar Souza Júnior, durante o lançamento do edital de concorrência do Floribike, sistema de bicicletas coletivas do município. São palavras para se guardar.

Saiba mais:

Diversos grupos de ciclistas prestigiaram o lançamento do Floribike
Diversos secretários compareceram à assinatura do edital do Floribike
Idealizadora do sistema de bicicletas coletivas de Florianópolis é homenageada
(Vídeo) Florianópolis lança edital das bicicletas públicas
Prefeito de Florianópolis diz que as novas obras contemplarão ciclistas
(Vídeo) Discurso de Cesar Souza Júnior no lançamento do Floribike

Fotos:

Edimarcon da Silva
Fabiano Faga Pacheco
Fabricio Sousa
Luis Antônio Peters
Otávio Anacleto / PMF

Especial Floribike – Bicicleta na Rua

(I) Especial Floribike: Edital de concorrência será lançado no aniversário da cidade
(II) Especial Floribike: São Paulo e Rio de Janeiro foram pioneiros
(III) Especial Floribike: Projeto de bicicletas coletivas vem de 2009
(IV) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Compartibike
(V) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Movement Barcelona
(VI) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Serttel
(VII) Especial Floribike: As empresas que ficaram pelo caminho
(VIII) Especial Floribike: A opção por Nova York
(IX) Especial Floribike: Compartilhamento universitário
(X) Especial Floribike: Iniciativa do interior do Paraná é premiada
(XI) Especial Floribike: Bicicletas coletivas que salvam vidas
(XII) Especial Floribike: Como funcionará em Florianópolis

Veja também:

Floribike: encaminhamento do edital homenageou os 10 anos da Bicicletada em Florianópolis
Apenas duas empresas são habilitadas a concorrer ao sistema de bicicletas públicas de Florianópolis
Aberto edital de pré-qualificação do sistema de bicicletas públicas de Florianópolis
Aluguel de bicicletas de Florianópolis é tema de Podcast
Embora pronto, edital das bicicletas públicas de Florianópolis não será lançado em 2011
Ata da Audiência Pública do Sistema de Bicicletas Públicas de Florianópolis (Floribike)
Florianópolis dá primeiro passo para implantação de bicicletas coletivas
Audiência pública debaterá aluguel de bicicletas em Florianópolis
Aluguel de bicicletas de Florianópolis deve ficar pronto em novembro de 2012
Florianópolis espera contar com bicicletas públicas em 2012

Prefeito de Florianópolis diz que as novas obras contemplarão ciclistas

A notícia abaixo foi originalmente divulgada pela Prefeitura Municipal de Florianópolis em 23 de março de 2013 neste link e, posteriormente, replicada na versão online do Jornal Notícias do Dia em 24 de março, às 15h35, aqui. O Bicicleta na Rua, orgulhoso, agradece pela referência a seu conteúdo no site do Município de Florianópolis.

Obras viárias serão pensadas para ciclistas

Garantia é do prefeito, durante o lançamento da licitação do projeto Floribike, que prevê 664 bicicletas em seis bairros

O prefeito Cesar Souza Júnior garantiu neste sábado, durante as comemorações dos 287 anos de Florianópolis, que “todas as obras viárias executadas pela atual administração serão pensadas e projetadas para o uso da bicicleta”.

A afirmação foi durante o lançamento oficial da licitação para execução do projeto Floribike, que prevê, na sua primeira etapa, a disponibilização de 664 bicicletas em seis bairros: Centro, Agronômica, Trindade, Santa Mônica, Itacorubi e Córrego Grande. O projeto Floribike prevê 68 pontos de aluguel, 111 estações, 1.328 suportes e 664 bicicletas distribuídas nestas regiões, com estações ao longo dos trajetos.

Até este sábado três empresas já haviam sido pré-classificadas, afirmou o secretário Secretaria Municipal de Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico Sustentável (SMCTDES), Rui Gonçalves. De acordo com ele, a empresa que vencer a licitação disponibilizará as estações e o serviço de locação de bicicletas, além de ampliar a rede de ciclovias da cidade.

Este slideshow necessita de JavaScript.

“Quer conhecer o grau de civilidade e humanidade de uma cidade verifique como ela trata os seus ciclistas, essa é uma referencia fundamental. As cidades desenvolvidas, planejadas para as pessoas, com projeto de cidade, respeitam o ciclista. Os aglomerados urbanos caóticos, que não propiciam convívio, dificultam e colocam em risco quem pratica o ciclismo, sublinhou o prefeito.”

Uma das principais responsáveis pelo projeto, a arquiteta Vera Lúcia Gonçalves da Silva , do Ipuf, foi homenageada pelo prefeito com uma placa. Vera visitou cidades do Brasil e do exterior em busca do modelo ideal para Florianópolis.

“Quero agradecer a você, Vera, não como prefeito, mas como florianopolitano. Só chegamos neste momento aqui hoje por causa da sua luta”, destacou o prefeito, que finalizou enfatizando: “Termos em Florianópolis o melhor projeto de oferecimento de bicicletas à população do país.”

Mais informações e detalhes sobre o projeto Floribike no endereço:

https://bicicletanarua.wordpress.com/2013/03/21/xii-especial-floribike-como-funcionara-em-florianopolis/

Saiba mais:

Diversos grupos de ciclistas prestigiaram o lançamento do Floribike
Diversos secretários compareceram à assinatura do edital do Floribike
Idealizadora do sistema de bicicletas coletivas de Florianópolis é homenageada
(Vídeo) Florianópolis lança edital das bicicletas públicas

Fotos:

Edimarcon da Silva
Fabiano Faga Pacheco
Fabricio Sousa
Luis Antônio Peters
Otávio Anacleto / PMF

Especial Floribike – Bicicleta na Rua

(I) Especial Floribike: Edital de concorrência será lançado no aniversário da cidade
(II) Especial Floribike: São Paulo e Rio de Janeiro foram pioneiros
(III) Especial Floribike: Projeto de bicicletas coletivas vem de 2009
(IV) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Compartibike
(V) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Movement Barcelona
(VI) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Serttel
(VII) Especial Floribike: As empresas que ficaram pelo caminho
(VIII) Especial Floribike: A opção por Nova York
(IX) Especial Floribike: Compartilhamento universitário
(X) Especial Floribike: Iniciativa do interior do Paraná é premiada
(XI) Especial Floribike: Bicicletas coletivas que salvam vidas
(XII) Especial Floribike: Como funcionará em Florianópolis

Veja também:

Floribike: encaminhamento do edital homenageou os 10 anos da Bicicletada em Florianópolis
Apenas duas empresas são habilitadas a concorrer ao sistema de bicicletas públicas de Florianópolis
Aberto edital de pré-qualificação do sistema de bicicletas públicas de Florianópolis
Aluguel de bicicletas de Florianópolis é tema de Podcast
Embora pronto, edital das bicicletas públicas de Florianópolis não será lançado em 2011
Ata da Audiência Pública do Sistema de Bicicletas Públicas de Florianópolis (Floribike)
Florianópolis dá primeiro passo para implantação de bicicletas coletivas
Audiência pública debaterá aluguel de bicicletas em Florianópolis
Aluguel de bicicletas de Florianópolis deve ficar pronto em novembro de 2012
Florianópolis espera contar com bicicletas públicas em 2012

(Vídeo) Florianópolis lança edital das bicicletas públicas

A matéria abaixo foi originalmente exibida no RIC Notícias, da RIC TV Record, em 22 de março de 2013 e pode ser vista também aqui.

Saiba mais:

Diversos grupos de ciclistas prestigiaram o lançamento do Floribike
Diversos secretários compareceram à assinatura do edital do Floribike
Idealizadora do sistema de bicicletas coletivas de Florianópolis é homenageada
(Vídeo) Florianópolis lança edital das bicicletas públicas

Especial Floribike – Bicicleta na Rua

(I) Especial Floribike: Edital de concorrência será lançado no aniversário da cidade
(II) Especial Floribike: São Paulo e Rio de Janeiro foram pioneiros
(III) Especial Floribike: Projeto de bicicletas coletivas vem de 2009
(IV) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Compartibike
(V) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Movement Barcelona
(VI) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Serttel
(VII) Especial Floribike: As empresas que ficaram pelo caminho
(VIII) Especial Floribike: A opção por Nova York
(IX) Especial Floribike: Compartilhamento universitário
(X) Especial Floribike: Iniciativa do interior do Paraná é premiada
(XI) Especial Floribike: Bicicletas coletivas que salvam vidas
(XII) Especial Floribike: Como funcionará em Florianópolis

Veja também:

Floribike: encaminhamento do edital homenageou os 10 anos da Bicicletada em Florianópolis
Apenas duas empresas são habilitadas a concorrer ao sistema de bicicletas públicas de Florianópolis
Aberto edital de pré-qualificação do sistema de bicicletas públicas de Florianópolis
Aluguel de bicicletas de Florianópolis é tema de Podcast
Embora pronto, edital das bicicletas públicas de Florianópolis não será lançado em 2011
Ata da Audiência Pública do Sistema de Bicicletas Públicas de Florianópolis (Floribike)
Florianópolis dá primeiro passo para implantação de bicicletas coletivas
Audiência pública debaterá aluguel de bicicletas em Florianópolis
Aluguel de bicicletas de Florianópolis deve ficar pronto em novembro de 2012
Florianópolis espera contar com bicicletas públicas em 2012

Idealizadora do sistema de bicicletas coletivas de Florianópolis é homenageada

bicicleta_na_rua3-joel pacheco

Quando o Vélib’ entrou em operação em Paris, em 2007, um sistema semelhante de bicicletas de aluguel poderia ter entrado em operação em Florianópolis. Foi com lágrimas nos olhos que essa informação foi repassada. Mas as lágrimas não eram de tristeza. Passavam longe disso.

Os olhos dos quais elas vertiam eram de Vera Lúcia Gonçalves da Silva, arquiteta e urbanista do Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (IPUF) há mais de duas décadas.

Durante o lançamento do edital de concorrência do Floribike, sistema de bicicletas públicas de Florianópolis, idealizado por ela com apoio da Pró-Bici, Vera Lúcia foi homenageada com uma placa pelos trabalhos desenvolvidos ao longo de sua carreira.

Servidora municipal Vera Lúcia Gonçalves da Silva é homenageada. Foto: Rodrigo Gomes Ferreira.

Servidora municipal Vera Lúcia Gonçalves da Silva é homenageada. Foto: Rodrigo Gomes Ferreira.

Surpreendida com a homenagem, a servidora contou sobre o seu trabalho na promoção da mobilidade ciclística, com a elaboração de manuais e projetos cicloviários, mostrou a dificuldade em fazer os projetos saírem como eles estão no papel e agradeceu o apoio que vem recebendo de diversas pessoas.

Nem ao fim do breve e emocionado discurso, imensamente aplaudido, as lágrimas cederam. Pelo contrário, intensificaram-se, demonstrando que o seu trabalho em prol de uma cidade mais aprazível, feito de coração, não tem sido em vão.

As lágrimas, afinal, não eram de tristeza, mas sim de gratidão pelo reconhecimento.

Vera Lúcia com Karla Simm, presidente da ViaCiclo. Foto: Fabiano Faga Pacheco.

Vera Lúcia sorri ao lado de Karla Simm, presidente da ViaCiclo. Foto: Fabiano Faga Pacheco.

Saiba mais:

Diversos grupos de ciclistas prestigiaram o lançamento do Floribike
Diversos secretários compareceram à assinatura do edital do Floribike
Idealizadora do sistema de bicicletas coletivas de Florianópolis é homenageada
(Vídeo) Florianópolis lança edital das bicicletas públicas

Fotos:

Edimarcon da Silva
Fabiano Faga Pacheco
Fabricio Sousa
Luis Antônio Peters
Otávio Anacleto / PMF

Especial Floribike – Bicicleta na Rua

(I) Especial Floribike: Edital de concorrência será lançado no aniversário da cidade
(II) Especial Floribike: São Paulo e Rio de Janeiro foram pioneiros
(III) Especial Floribike: Projeto de bicicletas coletivas vem de 2009
(IV) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Compartibike
(V) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Movement Barcelona
(VI) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Serttel
(VII) Especial Floribike: As empresas que ficaram pelo caminho
(VIII) Especial Floribike: A opção por Nova York
(IX) Especial Floribike: Compartilhamento universitário
(X) Especial Floribike: Iniciativa do interior do Paraná é premiada
(XI) Especial Floribike: Bicicletas coletivas que salvam vidas
(XII) Especial Floribike: Como funcionará em Florianópolis

Veja também:

Floribike: encaminhamento do edital homenageou os 10 anos da Bicicletada em Florianópolis
Apenas duas empresas são habilitadas a concorrer ao sistema de bicicletas públicas de Florianópolis
Aberto edital de pré-qualificação do sistema de bicicletas públicas de Florianópolis
Aluguel de bicicletas de Florianópolis é tema de Podcast
Embora pronto, edital das bicicletas públicas de Florianópolis não será lançado em 2011
Ata da Audiência Pública do Sistema de Bicicletas Públicas de Florianópolis (Floribike)
Florianópolis dá primeiro passo para implantação de bicicletas coletivas
Audiência pública debaterá aluguel de bicicletas em Florianópolis
Aluguel de bicicletas de Florianópolis deve ficar pronto em novembro de 2012
Florianópolis espera contar com bicicletas públicas em 2012

Diversos secretários compareceram à assinatura do edital do Floribike

bicicleta_na_rua3-joel pacheco

Tentando mostrar a união dos entes municipais na promoção da bicicleta como meio de transporte, diversos secretários estavam presentes na concentração do passeio ciclístico promovido pela Associação dos Ciclousuários da Grande Florianópolis (ViaCiclo) para o aniversário dos 287 anos de Florianópolis, no qual foi lançado o edital de concorrência do sistema de bicicletas coletivas da cidade.

Além do prefeito Cesar Souza Júnior, estiveram presentes o vice-prefeito e secretário de Obras, João Amin, e os secretários de Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico Sustentável (SMCTDES) Rui Luiz Gonçalves, Habitação e Saneamento Ambiental (SMHSN) Rafael Hahne, Transportes, Mobilidade e Terminais (SMTMT) Valmir Humberto Piacentini, Turismo, Cultura e Esporte (SMTCE) Maria Claudia Evangelista e o secretário executivo de comunicação João Cavallazzi, além do vereador Edmilson Carlos Pereira Júnior, o Ed (PSB).

Cesar Souza Júnior e João Amin pedalam no Passeio Ciclístico da ViaCiclo. Foto: Luis Antônio Peters.

Cesar Souza Júnior e João Amin pedalam no Passeio Ciclístico da ViaCiclo. Foto: Luis Antônio Peters.

Prefeito e vice ainda usaram as bicicletas emprestadas pelo Bike Anjo Floripa para percorrer cerca de 2km do passeio ciclístico. Além deles, o vereador Ed também pedalou os primeiros 2km e vários funcionários da SMCTDES, a promotora do Floribike, pedalaram foram de bicicleta por quase todo o caminho do passeio ciclístico.

Vereador Ed usa bicicleta dobrável em pedalada. Foto: Fabiano Faga Pacheco.

Vereador Ed usa bicicleta dobrável em pedalada. Foto: Fabiano Faga Pacheco.

Saiba mais:

Diversos grupos de ciclistas prestigiaram o lançamento do Floribike
Diversos secretários compareceram à assinatura do edital do Floribike
Idealizadora do sistema de bicicletas coletivas de Florianópolis é homenageada
(Vídeo) Florianópolis lança edital das bicicletas públicas

Fotos:

Edimarcon da Silva
Fabiano Faga Pacheco
Fabricio Sousa
Luis Antônio Peters
Otávio Anacleto / PMF

Especial Floribike – Bicicleta na Rua

(I) Especial Floribike: Edital de concorrência será lançado no aniversário da cidade
(II) Especial Floribike: São Paulo e Rio de Janeiro foram pioneiros
(III) Especial Floribike: Projeto de bicicletas coletivas vem de 2009
(IV) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Compartibike
(V) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Movement Barcelona
(VI) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Serttel
(VII) Especial Floribike: As empresas que ficaram pelo caminho
(VIII) Especial Floribike: A opção por Nova York
(IX) Especial Floribike: Compartilhamento universitário
(X) Especial Floribike: Iniciativa do interior do Paraná é premiada
(XI) Especial Floribike: Bicicletas coletivas que salvam vidas
(XII) Especial Floribike: Como funcionará em Florianópolis

Veja também:

Floribike: encaminhamento do edital homenageou os 10 anos da Bicicletada em Florianópolis
Apenas duas empresas são habilitadas a concorrer ao sistema de bicicletas públicas de Florianópolis
Aberto edital de pré-qualificação do sistema de bicicletas públicas de Florianópolis
Aluguel de bicicletas de Florianópolis é tema de Podcast
Embora pronto, edital das bicicletas públicas de Florianópolis não será lançado em 2011
Ata da Audiência Pública do Sistema de Bicicletas Públicas de Florianópolis (Floribike)
Florianópolis dá primeiro passo para implantação de bicicletas coletivas
Audiência pública debaterá aluguel de bicicletas em Florianópolis
Aluguel de bicicletas de Florianópolis deve ficar pronto em novembro de 2012
Florianópolis espera contar com bicicletas públicas em 2012

Diversos grupos de ciclistas prestigiaram o lançamento do Floribike

bicicleta_na_rua3-joel pacheco

O lançamento do edital de concorrência do sistema de bicicletas coletivas de Florianópolis, o Floribike, contou com a presença de integrantes de diversos grupos de ciclistas da cidade. Na cerimônia, realizada às 15h30 ao lado da Ponta do Coral, na Av. Beira-Mar Norte, diversas autoridades municipais estavam presentes, mostrando que “a prefeitura está unida para promover a bicicleta como meio de transporte”, segundo o prefeito Cesar Souza Júnior.

Prefeito Cesar Souza Júnior assina lançamento do Floribike. Foto: Fabricio Sousa.

Prefeito Cesar Souza Júnior assina lançamento do Floribike. Foto: Fabricio Sousa.

Mesmo com outros dois eventos ciclísticos acontecendo na cidade no mesmo horário, 75 ciclistas participaram do evento, que teve seguimento com o Passeio Ciclístico da ViaCiclo. Fizeram-se presentes integrantes dos grupos Duas Rodas, Pedal Continente, Mountain Bike Floripa, Bicicletada Floripa, Bike Anjo Floripa e pedal do Della, além de cicloturistas.

Prefeito e vice pedalaram 2km na ciclovia da Av. Beira-Mar Norte, da Praça República da Grécia, no Koxixo’s, até a Praça Sesquicentenário da Polícia Militar.

O trajeto inicial foi alterado, percorrendo a ciclovia da Av. Beira-Mar Norte antes da travessia para o continente, pela passarela. A pedalada aproveitou também a programação da Maratona Cultural de Florianópolis com a passagem pelo Parque de Coqueiros, onde se tocava um samba no momento em que os ciclistas davam uma volta e meia pelo parque.

Diversos grupos de ciclistas estiveram presentes no lançamento do edital do Floribike. Foto: Fabricio Sousa.

Diversos grupos de ciclistas estiveram presentes. Foto: Fabricio Sousa.

Fotos:

Edimarcon da Silva
Fabiano Faga Pacheco
Fabricio Sousa
Luis Antônio Peters
Otávio Anacleto / PMF

Saiba mais:

Diversos grupos de ciclistas prestigiaram o lançamento do Floribike
Diversos secretários compareceram à assinatura do edital do Floribike
Idealizadora do sistema de bicicletas coletivas de Florianópolis é homenageada
(Vídeo) Florianópolis lança edital das bicicletas públicas

Especial Floribike – Bicicleta na Rua

(I) Especial Floribike: Edital de concorrência será lançado no aniversário da cidade
(II) Especial Floribike: São Paulo e Rio de Janeiro foram pioneiros
(III) Especial Floribike: Projeto de bicicletas coletivas vem de 2009
(IV) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Compartibike
(V) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Movement Barcelona
(VI) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Serttel
(VII) Especial Floribike: As empresas que ficaram pelo caminho
(VIII) Especial Floribike: A opção por Nova York
(IX) Especial Floribike: Compartilhamento universitário
(X) Especial Floribike: Iniciativa do interior do Paraná é premiada
(XI) Especial Floribike: Bicicletas coletivas que salvam vidas
(XII) Especial Floribike: Como funcionará em Florianópolis

Veja também:

Floribike: encaminhamento do edital homenageou os 10 anos da Bicicletada em Florianópolis
Apenas duas empresas são habilitadas a concorrer ao sistema de bicicletas públicas de Florianópolis
Aberto edital de pré-qualificação do sistema de bicicletas públicas de Florianópolis
Aluguel de bicicletas de Florianópolis é tema de Podcast
Embora pronto, edital das bicicletas públicas de Florianópolis não será lançado em 2011
Ata da Audiência Pública do Sistema de Bicicletas Públicas de Florianópolis (Floribike)
Florianópolis dá primeiro passo para implantação de bicicletas coletivas
Audiência pública debaterá aluguel de bicicletas em Florianópolis
Aluguel de bicicletas de Florianópolis deve ficar pronto em novembro de 2012
Florianópolis espera contar com bicicletas públicas em 2012

Seminário da Cidade de Florianópolis – Planejamento e Desenvolvimento Urbano

IPUF promove I Seminário da Cidade de Florianópolis

O Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (IPUF), órgão da Prefeitura Municipal, realiza nos próximos dias 25 e 26 de março o I Seminário da Cidade de Florianópolis. Uma intensa programação reunirá especialistas e autoridades do Brasil e exterior no intuito de debater os principais desafios urbanos para as cidades brasileiras, além das políticas específicas para o planejamento urbano e de meio ambiente em Florianópolis.

O evento transcorrerá no Auditório Garapuvu, no Centro de Cultura e Eventos da Universidade Federal de Santa Catarina. A abertura oficial será às 14 horas do dia 25, com pronunciamento do prefeito Cesar Souza.

“Este Seminário busca um novo patamar técnico e comunitário para a retomada das propostas e discussões do Plano Diretor Participativo de Florianópolis, tão aguardado pela sociedade e tão necessário para a cidade. Com essa iniciativa, teremos muito mais subsídios técnicos para encaminhar os estudos finais para votação da matéria na Câmara de Vereadores”, afirma o superintendente do IPUF, Dalmo Vieira Filho, também titular da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano.

A organização é do IPUF, Instituto de Arquitetos do Brasil – Seccional SC e AsBEA (Associação Brasileira de Escritórios de Arquitetura) – SC, com apoio institucional da UFSC, UDESC, Ministério Público de Santa Catarina, CAU- Conselho de Arquitetura e Urbanismo-SC e CREA- Conselho Regional de Engenharia e Agronomia -SC. As inscrições para o Seminário são gratuitas e poderão ser feitas no próprio local.   

Confira a programação completa abaixo.

Seminario Cidade de Florianopolis 2013-03-25.26
(Veja em PDF)

Fonte: Prefeitura Municipal de Florianópolis, em 21 de março de 201.

(XII) Especial Floribike: Como funcionará em Florianópolis

bicicleta_na_rua3-joel pacheco

Sistema de bicicletas coletivas de Florianópolis deve se tornar um dos melhores da América Latina

O Floribike, que prevê a implantação de um total de 664 bicicletas compartilhadas em 111 estações, contemplando 68 pontos da capital catarinense, tem sido discutido desde 2011. O projeto, abarcado dentro da Secretaria Municipal de Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico Sustentável (SMCTDES), vem sendo resultado de debates e avaliações dentro do Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (IPUF) e da Comissão Municipal de Mobilidade Urbana por Bicicleta (Pró-Bici), com apoio da Secretaria Municipal de Transportes, Mobilidade e Terminais (SMTMT).

Estão previstos dois módulos. No Centro, o projeto segue a microrrede cicloviária planejada desde 2008, com estações distantes no máximo 400m entre si, próximo ao padrão europeu. A empresa que for implantar as 66 estações, com 810 suportes para 405 bicicletas nos  41 pontos de aluguel do Centro, também pode colaborar para a implantação desta microrrede, cujo projeto sairá do IPUF.

Na Bacia do Itacorubi, estão previstas 45 estações, com 518 suportes e 259 bicicletas em 27 locais. Como a rede cicloviária integrada está defasada em relação ao Centro, foram contemplados os principais pontos de origem e destino.

FloribikeConcepção de como pode vir a ser o Floribike

Três empresas estão na disputa: Movement Barcelona, Serttel e Compartibike, que já tem projetos em funcionamento em outras cidades do país, e até no exterior.

A vencedora do edital ficará responsável, também, pela futura ampliação do sistema, cujas discussões ficarão a cargo do corpo técnico do IPUF e da Pró-Bici. O aumento no número de bicicletas e na quantidade de estações por pontos também passarão por avaliação destes órgãos. O adensamento das estações na Bacia do Itacorubi pode ocorrer com a construção de determinadas estruturas cicloviárias na região, bem como a ampliação do sistema para bairros do continente e para o sul da Ilha, como a planície do Campeche, serão objetos de estudos específicos.

O usuário terá que se cadastrar no sistema antes de usá-lo. Ele poderá pegar a bicicleta numa estação e deixá-la em outra. Ao menos os primeiros 40min de uso serão gratuitos.

Os valores, bem como as formas de aquisição de créditos e características dos sistemas, são objetos da licitação. Ela prevê também uma futura integração com os demais sistemas de transporte coletivo.

Atualmente, a demanda reprimida de ciclistas em Florianópolis é de 74%, segundo a pesquisa “Transporte por bicicleta em cidades catarinenses: metodologia para levantamento da realidade e recomendações para incremento da sua participação na mobilidade urbana” (Pesquisa Bici SC). São pessoas que passariam a utilizar mais esse meio de transporte se houvesse melhores condições para o seu usufruto.

Saiba mais:

(I) Especial Floribike: Edital de concorrência será lançado no aniversário da cidade
(II) Especial Floribike: São Paulo e Rio de Janeiro foram pioneiros
(III) Especial Floribike: Projeto de bicicletas coletivas vem de 2009
(IV) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Compartibike
(V) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Movement Barcelona
(VI) Especial Floribike: Conheça as concorrentes – Serttel
(VII) Especial Floribike: As empresas que ficaram pelo caminho
(VIII) Especial Floribike: A opção por Nova York
(IX) Especial Floribike: Compartilhamento universitário
(X) Especial Floribike: Iniciativa do interior do Paraná é premiada
(XI) Especial Floribike: Bicicletas coletivas que salvam vidas
(XII) Especial Floribike: Como funcionará em Florianópolis

Veja também:

Floribike: encaminhamento do edital homenageou os 10 anos da Bicicletada em Florianópolis
Apenas duas empresas são habilitadas a concorrer ao sistema de bicicletas públicas de Florianópolis
Aberto edital de pré-qualificação do sistema de bicicletas públicas de Florianópolis
Aluguel de bicicletas de Florianópolis é tema de Podcast
Embora pronto, edital das bicicletas públicas de Florianópolis não será lançado em 2011
Ata da Audiência Pública do Sistema de Bicicletas Públicas de Florianópolis (Floribike)
Florianópolis dá primeiro passo para implantação de bicicletas coletivas
Audiência pública debaterá aluguel de bicicletas em Florianópolis
Aluguel de bicicletas de Florianópolis deve ficar pronto em novembro de 2012
Florianópolis espera contar com bicicletas públicas em 2012

Ciclofaixas do Centro de Florianópolis são sinalizadas

A notícia abaixo foi divulgada pela Prefeitura Municipal de Florianópolis, em 1° de março de 2013, aqui. Com esta nova sinalização vertical, os agentes de trânsito poderão fiscalizar as infrações de estacionamento, parada e trânsito de veículos automotores sobre as ciclofaixas do Centro.

IPUF implanta sinalização cicloviária no Centro

Instalação das placas nas ciclofaixas foi realizada na última quinta-feira, 28.

O Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis, através da Diretoria de Operações de Trânsito, implantou, no dia 28 de fevereiro, a sinalização de trânsito exclusiva para bicicleta nas ruas Trompowsky e Dom Joaquim, no Centro da Capital.

O Diretor de Operações, Adriano Melo, acompanhado do Engenheiro Wagner e da Arquiteta Vera Lúcia, fiscalizaram os serviços executados pelo departamento de trânsito do IPUF.

As ações para a continuidade da implantação da política cicloviária no município são parte das metas traçadas pelo Prefeito Cesar Souza Júnior e dirigidas pelo Superintendente do IPUF Dalmo Vieira Filho.

Instalação de sinalização cicloviária. Foto: Divulgação / IPUF.

Instalação de sinalização cicloviária. Foto: Divulgação / IPUF.

Veja também:

Guarda Municipal está multando veículos estacionados sobre as novas ciclofaixas de Florianópolis

Prefeitura no Bairro recebe demandas de ciclistas

bicicleta_na_rua3-joel pacheco

No último sábado de janeiro, a Prefeitura Municipal de Florianópolis recebeu mais de 300 reivindicações de seus cidadãos. Pela quarta vez em 2013, a “Prefeitura no Bairro” aproximou políticos e moradores na tentativa de aprimorar a gestão pública e conhecer mais de perto os anseios de quem habita a capital catarinense.

Em duas das versões anteriores, em Canasvieiras e no Campeche, já tinha havido reivindicações por parte de pessoas que andam de bicicleta. Dessa vez, no bairro Pantanal, eu fui lá levar diversas demandas dos mais variados segmentos ciclísticos para serem apreciados pelos secretários, vereadores e pelo chefe do Executivo. De bicicleta, pouco após às 10h30, cheguei à tenda montada no terreno da Eletrosul.

Prefeitura no Bairro recebeu demandas por ciclovias em Florianópolis.

Prefeitura no Bairro recebeu demandas por ciclovias em Florianópolis.

Confira abaixo um resumo com as conversas.

Secretaria do Continente

O atual secretário João Batista Nunes (PSDB) reconheceu-me logo de chegada. Propus-lhe um planejamento de curto, médio e longo prazo para a melhoria das condições ciclísticas nos bairros não-ilhéus.

A curto prazo, pode-se realizar a instalação de bicicletários adequados em parques e prédios públicos, além de se realizar os acessos à única ciclovia urbana da região, a Av. Poeta Zininho (Beira-mar do Estreito). Por incrível que pareça, a obra, inaugurada no último aniversário da cidade após anos de construção, não contempla os acessos à ciclovia em seu começo nem em seu final.

Para médio prazo, a retirada da gaveta de projetos como a revitalização da orla de Coqueiros, por sinal uma das promessas de campanha do ex-prefeito Dário Berger (PMDB), e o aproveitamento dos estudos cicloviários feitos por técnicos holandeses possibilita uma ampliação importante da malha cicloviária em uma região densamente ocupada.

Por fim, o sistema de bicicletas coletivas de Florianópolis (Floribike) pode sofrer sua primeira ampliação agregando a porção continental e a definição de pontos de aluguel de bicicletas por lá é uma medida de longo prazo que pode, desde já, tomar forma.

O secretário afirmou que no final de fevereiro pretende se reunir com o Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (IPUF) e com ciclistas para alavancar a questão.

Secretaria de Obras

O secretário de Obras e vice-prefeito João Amin (PP) recebeu de braços abertos para poder falar sobre diversos problemas que hoje afligem os ciclistas de Florianópolis.

Primeiramente, entreguei cópia de um ofício da Associação dos Ciclousuários da Grande Florianópolis (ViaCiclo) solicitando a retirada das tachas laterais da R. Dep. Antonio Edu Vieira, a principal rua do Pantanal. Instaladas após o asfaltamento da via, esses refletores instalados na linha branca próxima ao meio-fio são desnecessários, não cumprindo função para o tráfego automotor, mas prejudicando enormemente o fluxo de ciclistas. Em determinados locais, os ciclistas chegam a perder 40cm de uma faixa onde poderiam transitar, tendo que conduzirem suas bicicletas mais para o meio da rua, colocando-se em risco maior e prejudicando, também, o fluxo de automóveis. Na véspera mesmo, minha caramanhola caíra da bicicleta por causa da trepidação que essas tachas ocasionam.

Tratando ainda do Pantanal, solicitei uma revisão do projeto de pseudoduplicação da R. Dep. Antonio Edu Vieira, que certamente mais afetar negativamente o tráfego de ciclistas e pedestres.

Tachas prejudicam o trânsito de bicicletas no bairro Pantanal.

Tachas prejudicam o trânsito de bicicletas no bairro Pantanal.

Sobre o bicicletário do Campeche, cujos paraciclos são sofríveis, a resposta foi rápida: “Vamos arrumá-los!”, falou. Um dos técnicos da Obras ao seu lado, afirmou que eles não haviam encontrado um modelo para o Brasil, tendo tido bastante dificuldade em definir um estacionamento de bicicletas melhor. Falei-lhe sobre o modelo padrão de Florianópolis, no qual chega a caber mais bicicletas, no mesmo espaço ocupado pelos paraciclos atuais, e com um custo aproximadamente igual.

Paraciclo no Campeche é considerado inadequado pelos ciclistas.

Paraciclo no Campeche é considerado inadequado pelos ciclistas.

A reformulação da Comissão Municipal de Mobilidade Urbana por Bicicleta (Pró-Bici) também foi motivo de conversa, visto que é quase certa a presença alguém da secretaria de Obras nela.

O secretário pediu ajuda para a resolução dos problemas com as ciclofaixas na região central, dispôs-se a receber-me e a um grupo variado de ciclistas em sua secretaria e afirmou que em finais de fevereiro vai tratar com o IPUF sobre os projetos que já existem lá para poderem ser implantados em Florianópolis.

A legislação municipal, que prevê a implantação de pista ciclável em todas as novas ruas de Florianópolis, foi tema de debate também. Desrespeitada veementemente pelo governo anterior, e Lei Complementar Nº 78/2001 foi sancionada pela mãe do atual vice-prefeito, Angela Amin.

Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano

Por uma questão de viagem do titular Dalmo Vieira Filho, Rodolfo Matte ocupou-se em ouvir os moradores pela SMDU e por suas divisões e autarquias, incluindo a Secretaria Executiva de Serviços Públicos (SESP), a Fundação de Meio Ambiente (FLORAM) e o IPUF.

Levei-lhe ao conhecimento este artigo sobre as ciclofaixas de lazer, contendo diretrizes para que a implantação do projeto tenha sucesso.

Relembrei também um pedido de ciclistas que fora prometido ser cumprido até outubro do ano passado: a instalação de placas de advertência para a manutenção da distância de 1,5m do ciclista nas pistas com mais de uma faixa de rolamento por sentido.

Falamos brevemente sobre a Pró-Bici, situada dentro do IPUF, que pode contribuir enormemente para a ampliação decente das pistas cicláveis em Florianópolis.

Câmara de Vereadores

O vereador Celso Sandrini (PMDB) é um dos apoiadores do processo de revitalização da Caieira da Barra do Sul e da Taperinha, em projeto que prevê a implantação de ciclovias, calçadas e áreas verdes. Afirmou que a comunidade está ansiosa pelo projeto. Disse ainda que as pessoas de seu gabinete estão em férias e que após fevereiro vai agendar reunião no IPUF para essa revitalização e para a implantação da Casa Açoriana.

Prefeitura Municipal

Fui o penúltimo a conversar com o prefeito Cesar Souza Júnior (PSD). Levei-lhe o convite de campanha do Bike Anjo Floripa de pedalar na cidade com integrantes do grupo, ao que disse com honestidade a uma assessora: “Tou devendo isso. Foi compromisso da campanha ainda. Anota aí! Estou precisando mesmo pedalar um pouquinho.”

Prefeito conversa com a comunidade. Ao fundo, ciclista em conversa com o secretário de Obras e vice-prefeito, com técnicos atentos. Foto: Martinho Ghizzo / PMF.

Prefeito conversa com a comunidade. Ao fundo, ciclista em conversa com o secretário de Obras e vice-prefeito, com técnicos atentos. Foto: Martinho Ghizzo / PMF.

Sobre o edital do Floribike, que estava em sua mesa pronto para publicação, afirmou que estava encaminhando para a área jurídica tudo o que havia sobre editais e licitação. Por sinal, poucos dias depois, uma reunião foi agendada pela administração municipal para dar encaminhamento ao projeto.

Por fim, sobre a necessária atualização da Pró-Bici, disse-lhe que uma proposta de composição deve chegar em suas mãos em março, permitindo agilidade nos processos que envolvem a circulação de bicicletas

Fabiano Faga Pacheco

Saiba mais:

Prefeitura no Bairro recebe grande público no Pantanal

Modelo de estacionamento de bicicletas de Florianópolis

Desde o começo do Projeto Rotas Inteligentes, que visa a proporcionar condições seguras para o tráfego de bicicletas em Florianópolis, foi lançado um guia para a implantação de estacionamentos de bicicleta, abrangendo tanto bicicletários como paraciclos, na região central da cidade.

Entretanto, é interessante que o modelo pode ser utilizado por quaisquer estabelecimentos e o guia abaixo, junto com os manuais da Associação Transporte Ativo, auxilia os interessados que almejam implantar um bicicletário decente ou aqueles que, por força de lei, têm que reservar espaços para as bicicletas, como é o caso de terminais de transporte coletivo, shopping centers, supermercados, prédios públicos das esferas municipal, estadual e federal e estabelecimentos comerciais com mais de 100m² de área construída.

O modelo adotado, que vem sendo considerado o padrão do município, é considerado adequado pela União de Ciclistas do Brasil (UCB) e pela Associação dos Ciclousuários da Grande Florianópolis (ViaCiclo).

Confira abaixo a versão de janeiro de 2011 do guia “Estacionamento de Bicicletas”, feito pelo Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (IPUF).

Estacionamento de bicicletas IPUF

Estacionamento de Bicicletas

Bicicletada no centro e pedalada nos Ingleses encerram a quinzena da bicicleta em Florianópolis

Dois eventos nesta segunda quinzena de setembro, período tradicionalmente dedicado à bicicleta em Florianópolis, encerram a programação ciclística do município.

Às vésperas de completar 10 anos, a Bicicletada de setembro será realizada nesta sexta-feira, saindo às 19h da pista de skate em frente ao Shopping Iguatemi, na Trindade. A concentração começa a partir das 18h.

A Bicicletada é famosa pela sua postura crítica em relação à mobilidade por bicicleta, mas seus passeios têm ritmo leve, adequado a pessoas de qualquer idade. Para a edição deste mês, sugere-se fantasias – opcionais! – que remetam às eleições. Em várias cidades do país, a Massa Crítica deste mês é chamada de Bicicletada dos Políticos.

Ingleses pedala

Já sábado, 29 de setembro, ocorre o Passeio Ciclístico dos Ingleses, já divulgado aqui, organizado pelo Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (IPUF), junto com a comunidade dos Ingleses do Rio Vermelho. A concentração ocorre a partir das 9h, em frente à academia Mega, na SC-403, bem no começo do bairro. A saída será às 10h. Haverá sorteio de duas bicicletas para quem participar e responder a algumas perguntas que ajudarão à prefeitura a melhorar as condições para circulação de bicicletas nos Ingleses.

O ritmo do passeio ciclístico é leve. O trajeto (abaixo) tem pouco mais de 5km, para ser completado em pouco menos de 1h em percurso plano.

(veja em PDF)

Quem for sair da região central e não quiser dirigir-se aos Ingleses sozinho, um grupo sairá às 7h do trapiche da Av. Beira-Mar Norte, pedalando para o norte em ritmo moderado.

No ano passado, a revitalização da SC-403, com a implantação de calçadas e ciclovia, recebeu um prêmio internacional de urbanismo voltado à mobilidade sustentável, oferecido pela Cities-for-Mobility.

Moradores querem ciclovia na Caieira da Barra do Sul

Em reunião realizada no último dia 24 de maio, no Salão Paroquial anexo à Igreja Bom Jesus dos Pescadores, na Tapera da Barra do Sul, extremo sul da Ilha de Santa Catarina, em Florianópolis, os moradores foram unânimes em apontar a ciclovia como opção ideal para ser implementada junto à revitalização que começa a ser projetada para o local.

O projeto de “Reordenamento do Sistema Viário da Caieira da Barra do Sul”, feito pelo Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (IPUF) em parceria com a comunidade, foi apresentado pelos arquitetos Joel Pacheco e Vera Lúcia Gonçalves da Silva e pelo estagiário Leandro Pieper Nunes.

Vera Lúcia fez um histórico da região e apresentou para as três dezenas de pessoas presentes as opções viáveis tecnicamente, dentre as quais pseudociclofaixa, passeio compartilhado, ciclofaixa unidirecional em ambos os lados da via e ciclovia bidirecional voltada para o morro, bem como as vantagens e desvantagens de cada uma delas.

Vera Lúcia faz uma comparação das opções possíveis para os ciclistas.

A proposta de revitalização abrange cerca de 4km da Rodovia Baldicero Filomeno, entre as localidades de Caieira da Barra do Sul e Tapera da Barra do Sul. O local não apresenta condições seguras para pedalar ou caminhar. O projeto também contempla passeios e iluminação, além de mobiliário urbano.

– Acho que está bem claro que ciclovia é o que a comunidade quer. Mas precisamos amadurecer a ideia – pondera a moradora Adenides Lopes.

Já Kátia Vieira vai além:

– Ciclovia da Lupércio [Escola Desdobrada Lupércio Belarmino da Silva] à Caieira eu já acho pouco! Desde que asfaltaram a região eu já vi muita gente chegando [para morar] e mais: muita bicicleta, um aumento muito grande do número de ciclistas e cicloturistas. Muita gente pedalando.

Caso todo o trecho passe a ter ciclovia, 224 propriedades precisariam de pequena adaptações, a maioria pequenos recuos de muros, que poderiam ser trocados por índices construtivos.

Moradores discutem revitalização da Caieira da Barra do Sul.

Histórico

Insatisfeitos com a insegurança no trânsito gerada após o asfaltamento da região, que permitiu excessos de velocidades tanto dos automóveis quanto dos ônibus, os moradores organizaram um abaixo-assinado.

A partir dele, houve o envolvimento do vereador Celso Sandrini (PMDB), que se mobilizou junto ao IPUF para pensar as melhorias na região. Essa foi a terceira reunião na comunidade. As primeiras ocorreram em 20 de dezembro e em 28 de fevereiro.

A próxima reunião aberta será nesta quarta-feira, 13 de junho, às 20h, no Salão Paroquial da Tapera da Barra do Sul.

Fabiano Faga Pacheco

Atualização em 13 de junho de 2012, às 13h16min: a reunião foi procrastinada, ainda sem data definida.

Veja também:

Moradores vão atrás de calçada e ciclovia para o sul de Florianópolis

Os novos paraciclos da Vidal Ramos

A inauguração do Vidal Ramos Open Shopping, centro de compras a céu aberto que marca a revitalização de uma das mais tradicionais ruas comerciais de Florianópolis, está marcado para a manhã desta quinta-feira, 15 de março. As atividades começam às 9h, com apresentação do saxofonista Fábio Schlosser, e seguem ao longo do dia, com show da cantora Marjory Porto e sorteios de brindes. A cerimônia oficial será realizada às 11h.

A revitalização desta área no coração da cidade já é citado como um case de sucesso no urbanismo. Trouxe benefícios aos seus freqüentadores e aos comerciantes, tornando o espaço mais seguro e agradável. A sua implementação teve apoio dos lojistas da região, da Associação Comercial e Industrial de Florianópolis (ACIF), Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (IPUF), Prefeitura Municipal de Florianópolis, além do apoio do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/SC) e da Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc).

Vidal Ramos Open Shopping humanizou a região. Foto: Fabiano Faga Pacheco.

A revitalização da Vidal Ramos contará, também, com paraciclos novos. Será o segundo caso na cidade em que melhorias urbanísticas vieram em conjunto com espaços para estacionamento de bicicletas na cidade. O boulevard da Av. Hercílio Luz foi o pioneiro a incluir bicicletários, já em seu projeto original.

Os paraciclos da R. Vidal Ramos terão dupla função. Por um lado, pretende-se coibir que motoristas estacionem sobre os passeios, fato que infelizmente ainda demonstra o desrespeito de parcela da população. Por outro, pretende atrair tanto novos consumidores, que se deslocam por bicicleta para chegar à região, quanto permitir que atuais freqüentadores utilizem-se desse veículo, precavendo-se problemas futuros de mobilidade urbana.

É justamente nesses novos paraciclos que aparece a contribuição do Bicicleta na Rua para o Open Shopping Vidal Ramos. O modelo a ser implantado na região, que será diferente do adotado oficialmente pela Prefeitura de Florianópolis, passou por avaliação do Bicicleta na Rua, que sugeriu algumas alterações.

A revitalização da Vidal Ramos conta com fachadas padronizadas e mobiliário urbano com linhas características, as quais o modelo de estacionamento de bicicletas adotado por Florianópolis (“R” invertido) não se encaixava. Dessa maneira, foi necessária uma alteração em seu modelo, que ficou a cargo do designer e arquiteto Joel Pacheco.

Pré-modelo de paraciclo na Vidal Ramos. Foto: L. Silva.

No final de janeiro deste ano, uma prévia do que seria o paraciclo foi implantada na região, ainda sem fixação ao solo. O fato de não estar presa aumentou a sua altura e possibilitou uma avaliação mais precisa de sua eficiência como paraciclo. Foram sugeridas alterações no seu tamanho, de modo a ter entre 70cm e 80cm de altura, sem destoar do mobiliário urbano, melhorias nas junções e fixações ao solo, de forma a evitar furtos, além de alterações no material, como a utilização de inox, aumentando a sua durabilidade. Além disso, o “anel” interno vai ser aumentado, possibilitando, além de uma melhor acomodação da bicicleta, um apoio ao nível do pedal. Foi também mostrada outra opção de design que se alia aos contornos curvilíneos das fachadas, que poderá ser adotada em uma futura ocasião.

Pré-modelo passa por avaliação. Foto: L. Silva.

Novo modelo de paraciclo para a Vidal Ramos.

Mesmo com suas deficiências, o pré-modelo já é usado por pessoas que trabalham na região. Para esta quinta-feira, a Prefeitura Municipal de Florianópolis custeou dois paraciclos, feitos de aço inox, implantados da esquina da Vidal Ramos com a R. Trajano, também incluída da revitalização. Outros seis paraciclos foram doados por comerciantes e devem ser colocados na manhã desta quinta-feira.

O Vidal Ramos Open Shopping mostra também a eficiência de um diálogo aberto entre órgãos públicos e a comunidade, bem como mostra a capacidade do IPUF, órgão criado para pensar o futuro da cidade, mas que tem os seus projetos constantemente ignorados pelo Poder Público.

Pedalada Pelada leva bom humor às ruas de Florianópolis na busca por respeito no trânsito

Mais de 150 ciclistas participaram na capital catarinense do World Naked Bike Ride.

Texto: Fabiano Faga Pacheco. Fotos: Caniggia.

A primeira edição da Pedalada Pelada ou Peladada, versão brasileira do World Naked Bike Ride (ou Passeio Ciclístico Mundial Sem Roupa, em tradução livre), que aconteceu em dezenas de cidades do mundo nesta quarta-feira, 10 de março, levou centenas de pessoas às ruas de Florianópolis. Entre as principais reivindicações dos ciclistas, estão o respeito pela bicicleta como componente do trânsito e a implantação de ciclovias seguras em Florianópolis.

A concentração começou por voltas das 18h, na pista de skate da Trindade. Aos poucos os ciclistas foram chegando. Até o horário da saída, muitos despiram suas vestes e ficaram em roupa de baixo. Rapazes sem camisa ou apenas de cueca ou sunga foi uma cena nem um pouco incomum na primeira edição da Pedalada Pelada de Florianópolis. Tintas foram disponibilizadas e os ciclistas pintaram em seus próprios corpos frases como:

Queime calorias, não gasolina

Só assim você me vê

Minha insegurança = minha nudez

Sou frágil. Respeite!

Emissão Zero

Assim você me mata [de carro]

Cerca de 300 pessoas, entre ciclistas, curiosos e jornalistas apareceram na concentração. Às 19h30, ao menos 165 ciclistas seguiram pelo trajeto, que incluiu bairros da Bacia do Itacorubi e Centro. Após percorrerem Santa Mônica, Itacorubi e Córrego Grande, os ciclistas foram recepcionados com entusiasmo na UFSC, onde ocorria o festival musical Grito Rock. No caminho pela Trindade, Agronômica e Centro, houve interação com os moradores, motoristas, frequentadores de bares e usuários que esperavam pelo transporte coletivo, que acenavam manifestando maciço apoio aos ciclistas.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Frases como “Mais bicicletas, menos carros” e “Você aí parado, vem pedalar pelado!” deram o tom das cantorias. Mais de 95% dos ciclistas estava menos vestido do que quando chegou à concentração, vários com bundas e/ou seios de fora, sendo que uns 10% em algum momento ficaram completamente nus, simbolizando a fragilidade do ciclista, que conta apenas com o próprio corpo, desprovido de lataria e de air bags.

Henrique Aguiar levou o filho João Guilherme para a pedalada pelada. Para ele, o evento superou suas expectativas. Acha importante desde já mostrar ao filho que a bicicleta é um meio de transporte na cidade e que o ciclista merece ser respeitado.

O percurso teve cerca de 25km, percorridos em duas horas.

Trajeto

O trajeto cíclico passou por Av. Madre Benvenuta (Santa Mônica), Rod. Admar Gonzaga (Itacorubi), R. Vera Linhares de Andrade, R. João Pio Duarte Silva (Córrego Grande), R. Delfino Conti (UFSC), R. Lauro Linhares (Trindade), R. Delminda Silveira, R. Rui Barbosa, R. Frei Caneca (Agronômica), Av. Mauro Ramos, R. Germano Wendhausen, R. Altamiro Guimarães, R. Bocaiúva. Av. Prof. Othon Gama D’Eça, Av. Pref. Osmar Cunha, R. Jerônimo Coelho, R. Felipe Schmidt, R. Arcipreste Paiva, R. Conselheiro Mafra, R. dos Ilhéus, R. Anita Garibaldi, Av. Hercílio Luz, Av. Mauro Ramos. Av. Jornalista Rubens de Arruda Ramos/Beira-Mar Norte (Centro), R. Cmte. Constantino Nicolau Spyrides, R. Delminda Silveira (Agronômica), R. Lauro Linhares, Av. Madre Benvenuta e Av. Prof. Henrique da Silva Fontes (Trindade) e R. Pedro Lessa (Santa Mônica).

Obras não saem do papel

As promessas para os ciclistas acumulam-se, sem, entretanto, observar-se a sua execução. A ciclovia da Lagoa da Conceição, na R. Ver. Osni Ortiga, obteve, semana passada, a licença ambiental prévia para a sua execução, após quase 3 anos de espera. O dinheiro foi assegurado em dezembro de 2011 e virá do Ministério das Cidades.

Prometida na última campanha eleitoral, a ciclovia de Coqueiros, objeto, inclusive, de estudos internacionais, não tem previsão alguma de sair do papel. A mesma coisa se pode afirmar da outra promessa de campanha, a ciclovia circum-universitária, margeando a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Dentro da UFSC, estudos estão sendo feitos pela AH8 Projetos Cicloviários para estruturas cicloviárias no próprio campus da universidade.

Encontra-se a 3 semanas parada na Diretoria de Licitações e Contratos da Secretaria Municipal de Administração e Previdência o edital de licitação das bicicletas públicas de Florianópolis.Após o descaso do superintendente do Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (IPUF), José Carlos Rauen (PMDB), que atrasou em 45 dias o processo licitatório, o Floribike sairá pela Secretaria Municipal de Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico Sustentável.

As três passarelas para pedestres que não foram feitas quando do aterro das baías norte e sul também ficarão para depois. A prefeitura não obteve verbas totalizando R$6 milhões de reais por não possuir projetos técnicos dessas obras. O pior dos casos vem da passarela do Rita Maria. Com a inauguração do novo elevado no local, o Carl Hoepcke, cuja construção não incluiu acessos a pedestres e ciclistas, estes agoram correm muito mais perigo na travessia de pistas. No começo do mês, frequentadores de clubes de remo fizeram manifestos que não serão atendidos pelo governo municipal.

%d blogueiros gostam disto: