Bicicletadas de julho pelo Brasil

Quarta-feira, 25 de julho

João Pessoa, PB

Em homenagem a triatleta atropelado.
Saiba mais.

Sexta-feira, 27 de julho

Aracaju, SE

Belo Horizonte, MG

Hoje, concentração às 18h, saída às 19h.

Brasília, DF

Cuiabá, MT

Florianópolis, SC

Joinville, SC

Juiz de Fora, MG

Lages, SC

Maceió, AL

Manaus, AM

Mossoró, RN

Pelotas, RS

Concentração a partir das 20h30, na Praça José Bonifácio (Catedral São Francisco de Paula). Saída às 21h.

Porto Alegre, RS

Recife, PE

Ribeirão Preto, SP

Rio de Janeiro, RJ

Salvador, BA

São Luís, MA

Saída às 19h da Praça do Rodão, na Cohab, em frente à Igreja Católica.

São Paulo, SP

Concentração a partir das 18h, na Praça do Ciclista, esquina da Av. Paulista com R. da Consolação. Saída às 20h.

São Sebastião, SP

Vitória, ES

Concentração a partir das 19h na Praça dos Namorados, próximo ao Cine Metrópolis, UFES. Saída às 20h.

Sábado, 28 de julho

Curitiba, PR

Jacareí, SP

Natal, RN

Rio Grande da Serra, SP

Massa Crítica do Grande ABC

Anúncios

Ciclistas cobram (mais uma vez) ciclovia na Lagoa da Conceição

A quarta edição de 2012 da Bicicletada da Lagoa da Conceição, que acontecerá neste sábado, às 15h, na Praça Bento Silvério, traz à tona, mais uma vez, a reivindicação da comunidade pela revitalização da R. Ver. Osni Ortiga! A pedalada será em ritmo leve, com intervenções urbanas que prometem alegrar a vida de quem pedala cotidianamente pela região. Pessoas de qualquer idade podem participar.

 Confirme sua presença  no Facebook

Crononologia

Prometida desde 2009, quando a Associação dos Moradores do Porto da Lagoa, juntamente com a Associação dos Ciclousuários da Grande Florianópolis e a Bicicletada Floripa, criaram o Movimento Ciclovia na Lagoa Já, a implantação de calçadas, iluminação, arborização, locais de descanso e ciclovia na principal rua do Porto da Lagoa foi apoiada por todos os vereadores em audiência pública em meados do mesmo ano. Meses depois, o projeto executivo encontrava-se pronto.

Entretanto, apenas em setembro de 2011, foi entregue, com atraso, o Relatório Ambiental Prévio, possibilitando concluir o licenciamento ambiental. Isso permitiu a aprovação, em dezembro, de verba para a revitalização da Osni Ortiga pelo Ministério das Cidades, do governo federal.

Em março deste ano, finalmente foi assinada pelo prefeito municipal a autorização para dar prosseguimento às obras, tendo sido lançada, em seguida, a licitação para a primeira fase, ao custo de quase R$ 1 milhão. Nessa fase ainda não está prevista a construção da ciclovia. A revitalização toda deve custar em torno de R$ 3,5 milhões, menos do que todas as grandes obras feitas recentemente na cidade, que se mostraram fracassos retumbantes, como os Elevado do Trevo da Seta e do Rita Maria.

Nesta sexta-feira, o secretário municipal de Obras, Luis Américo Medeiros, afirmou que em 15 dias começam as obras, que devem durar 120 dias.

Enquanto isso, três anos depois, as pessoas ainda encontram-se inseguras para pedalar ou caminhar à beira de um dos principais cartões postais catarinenses.

Apenas duas empresas são habilitadas a concorrer ao sistema de bicicletas públicas de Florianópolis

Foi publicado na última sexta-feira, no Diário Oficial de Florianópolis, o resultado da etapa de pré-qualificação do sistema de bicicletas públicas de Florianópolis, previamente denominado Floribike. Das cinco empresas que se inscreveram, apenas duas foram habilitadas para seguirem para o processo seguinte da licitação.  Na próxima etapa da concessão do serviço de aluguel de bicicletas,

serão avaliados critérios econômicos, que englobam menor tarifa para o usuário e menor ônus à prefeitura, e técnicos, incluindo características dos sistemas de cadastramento, aquisição de crédito, locação das bicicletas e logística, além de características das próprias bicicletas e das estações para retirada e devolução destas.

As empresas nacionais M2 Soluções em Engenharia (CompartiBike) e Serttel foram habilitadas, enquanto que a portuguesa Miralago e a espanhola Movement Barcelona, que operam os sistemas de Paris e Agueda (Miralago) e de Barcelona e Cornella de Labregrat (Movement Barcelona), foram desclassificadas por não apresentarem toda a documentação necessária, incluindo atestados de capacidade técnica. A empresa Nery & Scheinkmann, de Curitiba, dentre outras coisas, não conseguiu comprovar fornecimento do serviço por meio eletrônico.

A CompartiBike opera, atualmente, o PEDALUSP, sistema de bicicletas compartilhadas da Universidade de São Paulo (USP). Já a Serttel, responsável pela SAMBA (Solução Alternativa para Mobilidade por Bicicletas de Aluguel), gerencia a locação de bicicletas no Rio de Janeiro (BikeRio), Petrolina, João Pessoa e Sorocaba.

As empresas poderão recorrer da habilitação até o final desta semana.

Veja abaixo a nota completa no Diário Oficial.

SECRETARIA MUNICIPAL DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA E DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO SUSTENTÁVEL

RESULTADO DO PROCESSO LICITATÓRIO DE PRÉ-QUALIFICAÇÃO Nº. 147/SMAP/DLC/2012.
O Município de Florianópolis, por intermédio da Comissão Permanente de Licitações para cadastro e habilitação, torna público aos interessados:

EMPRESAS HABILITADAS: SERTTEL e M2 BIKE

EMPRESAS INABILITADAS:

Empresa MOVEMENT BARCELONA 2005 SL, por não atender a norma editalícia, conforme segue:
a) A Procuração foi outorgada ao Sr. Renato Frison de Almeida, sem poderes para substabelecer, e quem representou a empresa na data da abertura com substabelecimento foi o Sr. Cesar David Sahid Pedrozo;
b) A Certidão Negativa de Débitos do Município de Cornella de Labregrat não está traduzida, descumprindo o subitem 4.2.2.3 do edital;
c) Que os atestados de capacidade técnica emitidos pela Bicing Barcelona não vieram acompanhados dos contratos traduzidos, descumprindo o subitem 4.2.2.3. do edital.

Empresa NERY & SCHEINKMANN, por não atender a norma editalícia, conforme segue:
a) A empresa não apresentou as duas últimas guias do FGTS quitadas, descumprindo o subitem 4.2.2”b” do edital.
b) A empresa apresentou índices de endividamento em desconformidade com o disposto no subitem 4.2.3 do edital.
c) A empresa não comprovou o fornecimento do serviço por meio eletrônico, conforme o anexo I do edital.

Empresa CICLISTA MIRALAGO, por não atender a norma editalícia, conforme segue:
a) Não apresentou os contratos referentes aos atestados de capacidade técnica emitidos pelas cidades de Paris e Agueda, descumprindo o subitem 4.2.4, alínea “A” do edital, que solicita a apresentação dos mesmos.
b) Não apresentou as Certidões Negativas de Débito do FGTS (subitem 4.2.2, alínea “b”), Certidão Negativa Federal (subitem 4.2.2, alínea “f”), Certidão Negativa Estadual (subitem 4.2.2, alínea “g”) e Certidão de Dívida Ativa da União (subitem 4.2.2, alínea “e”), do edital, ou equivalentes no país de origem.

A Comissão Permanente de Licitações, em conformidade com o art. 109, I, “a”, da Lei 8.666/93 abre prazo de 05 (cinco) dias úteis para recurso.
Florianópolis, em 06 de junho de 2012. A Comissão.

Saiba mais:

Aberto edital de pré-qualificação do sistema de bicicletas públicas de Florianópolis
Aluguel de bicicletas de Florianópolis é tema de Podcast
Embora pronto, edital das bicicletas públicas de Florianópolis não será lançado em 2011
Ata da Audiência Pública do Sistema de Bicicletas Públicas de Florianópolis (Floribike)
Florianópolis dá primeiro passo para implantação de bicicletas coletivas
Audiência pública debaterá aluguel de bicicletas em Florianópolis
Aluguel de bicicletas de Florianópolis deve ficar pronto em novembro de 2012
Florianópolis espera contar com bicicletas públicas em 2012

Veja também:

Pedalada Pelada leva bom humor às ruas de Florianópolis na busca por respeito no trânsito
(Bicicultura) Jornal Bom Dia – Sorocaba terá mais ciclovias
(Bicicultura) Serttel aborda a iniciativa das bicicletas públicas

%d blogueiros gostam disto: